Video Sumaré

Davi

Davi:
 A. Alguém segundo o coração de Deus – em contraste com Saul At 13:22.
 B. Zelava pelo Senhor e por Seu povo, assim como zelara pelas ovelhas que estavam
sob seu cuidado – 1 Sm 17:20, 26b, 34-37.
 C. Sabia o que era autoridade e submissão – nunca se rebelou contra Saul, mesmo já
tendo sido ungido rei – 1 Sm 24:6; 26:9.
 D. Guerreou e combateu os inimigos do povo de Deus, a ponto de expandir os limites
da boa terra até o tamanho que o Senhor prometera a Abraão – Tg 4:7; 1 Pe 5:8-9;
1 Rs 4:21, 24; cf Gn 15:18.
 D. Foi um salmista – meditava na lei de dia e de noite e isso se refletia nos salmos
que escreveu – Sl 1:2.
 E. Pecou, mas arrependeu-se – 2 Sm 11:4; 12:1-23; Sl 51; Pv 28:13:
 1. Relaxou – 2 Sm 11:1-5.
 2. Tentou encobrir seu pecado – 2 Sm 11:6-13, 27.
 3. Foi exposto, desmascarado, iluminado e arrependeu-se – 2 Sm 12:1-15; Sl 51.

PASSAGEM COM PREÇO IMPERDÍVEL!

NÃO PERCA ESSA OPORTUNIDADE PARA CONFERÊNCIA INTERNACIONAL - SETEMBRO,
PASSAGENS POR R$ 257,00 IDA E VOLTA PARA SÃO PAULO, 6X NO CARTÃO.
ENTRE EM CONTATO COM A LITORAL TURISMO: www.litoralturismojpa.com.br  ou glauco@litoralturismojpa.com.br
Fones:83 3243-3236/ 8881-3238

Testemunho Pessoal

Graças ao Senhor nesse último domingo houve uma reunião maravilhosa na igreja em Recife, totalmente conduzida pelo Espírito; 
Segundo testemunhos, há muito tempo não se via uma reunião tão maravilhosa, renovadora e livre. O Espírito tomou a todos os presentes, e cada um compartilhava de forma viva e fresca suas experiências vividas na prática, não houve mensagem dada por um irmão, mas por todos. Tudo começou pelo Invocar o Nome do Senhor e ler-orar a sua Palavra.
O Senhor confirma as palavras do seu apóstolo e não as deixa cair por terra. (1Sm 3:19)
Na comunhão;
Zé da Silva

Samuel

Samuel:
 A. Fruto de oração e consagrado ao Senhor desde antes de nascer – 1 Sm 1:11.
 B. Um nazireu – consagração voluntária – Nm 6:1-21:
 1. Não bebia vinho nem bebida forte.
 2. Não passava navalha sobre a cabeça.
 3. Não se contaminava com os mortos.
 4. Não se contaminava nem mesmo pelos parentes próximos.
 C. Servia a Deus, porém não O conhecia – 1 Sm 3:1-11.
 D. Tomou rumo totalmente diferente dos filhos de Eli, mesmo estando no mesmo am-
biente – 1 Sm 2:12, 17, 25, 24, 26.
 E. Era alguém obediente – 1 Sm 15:22.
 F. O Senhor não deixava a palavra de Samuel cair por terra – 1 Sm 3:19-21.

Arão

Arão:
 1.  Os dois erros de Arão: fez o bezerro de Ouro (Êx 32:25-29).
 2.  Difamou Moises (Nm 12).
 3.  A Necessidade de arrependimento (Jr 8:4-6; Sl 7:12, 13).
 4.  As palavras arrependimento, arrepender-se, arrependimento, juntas aparecem
32 vezes e as palavras pecado, pecados e pecador, juntas aparecem 519 vezes
na Bíblia. Isso significa que o homem peca mais do que se arrepende. Precisa-
mos mudar essa estatística.

Quanto a ti? SEGUE-ME



Em agosto, 10 a 21
Vamos sair com um grande batalhão levando o evangelho da graça e do reino.
Salgueiro, Araripina, Ouricuri, Petrolina, Sertânia e Arcoverde
Irmãos já marcaram presença.
E você vai ficar de fora?
 

Moisés

Os três períodos da vida de Moisés (Êx 2-3). 
 a. Período de construção (palácio) (At 7:20-23b): 
 i.  Educado em toda ciência: administração, Guerra, arquitetura, literatu-
ra, matemática, química etc. 
 ii.  A vida da igreja é um bom ambiente de preparação de jovens fortes e 
corajosos. 
 iii.  Rejeitou os prazeres do mundo. 
 b. Período de destruição (At 7:23b-30b): 
 i.  Achou que poderia servir o Senhor com seu natural (Êx 2:11-15). 
 ii.  Precisou ser enviado para o deserto de Midiã para cuidar de ovelhas. 
Devemos cuidar dos irmãos, pastoreando-os. 
 c. Período de reconstrução (At 7:30-36): 
 i.  Período da aparição e chamamento. 
 ii.  A coisa mais maravilhosa dessa vida é ver a glória  do Senhor e ser 
chamado por Ele (Êx 3:3; At 7:31). 

Paulo de Tarso

O apóstolo Paulo, por sua vez, recebeu a grande luz no caminho para Damasco (9:3). Deus tinha uma incumbência para ele, mas não lhe falou diretamente (vs. 5-6). Em primeiro lugar, ele precisou ser introduzido na igreja por Ananias (v. 17); em segundo lugar, era necessário que ele invocasse o nome do Senhor e fosse batizado para se tornar um membro do Corpo de Cristo (v. 18; cf. 22:16). Por fim, Ananias recebeu a incumbência de Deus de comunicar a Paulo que ele era um vaso escolhido por Deus e que teria um ministério (9:15; 26:16).

Paulo não havia seguido o Senhor Jesus desde o início de Seu ministério e, portanto, não passara pelas experiências dos demais apóstolos. Contudo o Senhor sabe como